IJUI NEWS - Prefeito Valdir Heck sanciona PPA 2018-2021

Min: 16º
Max: 25º
Chuva pela Manhã
logo ijui news
Vip novoVip novo
Sul Cores 1

Prefeito Valdir Heck sanciona PPA 2018-2021

O PPA é o documento que norteia à gestão administrativa do Poder Executivo para um período de quatro anos.

Matéria Publicada em: 09/11/2017
Imagem: Reprodução/Site da Prefeitura de Ijuí

 

Foi sancionada na manhã desta quinta-feira,9, pelo prefeito Valdir Heck, a lei que institui o Plano Plurianual (PPA) para quadriênio 2018-2021, aprovado pelo Poder Legislativo. O PPA é o documento que norteia à gestão administrativa do Poder Executivo, reunindo as prioridades apontadas pela população nas reuniões descentralizadas realizadas nos bairros e no Interior, bem como nas audiências públicas, espaços de discussão e construção coletiva, abertos à participação de todos os interessados.

A implantação do PPA para o próximo quadriênio representa efetivamente o início da atual Administração, pois ele se constitui em boa parte das demandas defendidas na nossa proposta de governo”, afirma o prefeito Valdir Heck.

De acordo com o secretário de Planejamento e Regulação Urbana, Rúbio Viecili, além de respeitar quase à totalidade das demandas apresentadas pela população nos bairros e distritos, a metodologia aplicada na elaboração do PPA 2018-2021 respeitou também as determinações legais que orientam a elaboração e a execução desse instrumento.

O PPA é um planejamento estratégico de médio e longo prazo, destinado a orientar e ordenar as ações governamentais do município, buscando realizar programas fixados para um período de quatro anos”, pontua o secretário.

A partir desse entendimento, segundo Rúbio Viecili, a população passa a compreender que uma gestão não se concluiu em um ano, ou seja, os compromissos assumidos na campanha têm um período de quatro anos para serem cumpridos e, o primeiro ano de gestão, é um período no qual o atual gestor ainda está administrando com base no planejamento feito pelo governante anterior.

Neste instrumento estão detalhadas as ações, com descrição dos produtos, que orientarão os orçamentos anuais. Assim, o PPA sintetiza o conjunto das políticas públicas que devem ser implementadas pelo governo municipal para o quadriênio 2018/2021”, explica.

Para os próximos três anos de governo do prefeito Valdir Heck e o primeiro ano da próxima administração, as premissas básicas da gestão estão focadas no princípio da transversalidade.

"Esse é  um processo mais moderno de gestão, pois, procura fazer mais com menos, ou seja, articula a integração dos órgãos de governo e a execução das ações de cada programa”, assegura.

Além disso, outro ponto forte desse instrumento, de acordo com o secretário, é a transparência.

“A formatação técnica dos programas seguiu os preceitos legais. Em síntese, assumiu-se na plenitude a implementação de um processo de gestão pública fundado no planejamento e na participação dos ijuineses. A participação da população é um processo consolidado na elaboração do PPA, da LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) e da LOA (Lei do Orçamento Anual)”, reitera.

Rúbio Viecili fez questão de destacar que, na elaboração do PPA 2018-2021, a orientação foi, também, no sentido de respeitar todas as demandas reprimidas de PPAs anteriores (anterioridade) e, ainda, observar o princípio da carência.

Os programas que envolvem as áreas da Educação e da Saúde continuam sendo os que têm maior participação na repartição das despesas, com R$ 318.895.800,00 e R$ 308.028.100,00, respectivamente.

As quatro estruturas da Administração Indireta, os Departamentos Municipais de Geração e Distribuição de Energia  (Demei Geração e Demei Distribuição), o Departamento Municipal de Águas e Saneamento de Ijuí (Demasi) e o Instituto de Previdência de Ijuí (Previjuí), contabilizam R$ 771.588.000,00, valores que representam 44,87% das despesas previstas.

“É fundamental considerar as interfaces entre os programas e unidades orçamentárias. Por exemplo, há recursos significativos destinados à área rural que estão alocados nas Secretarias da Saúde, da Educação e de Desenvolvimento Social. Na medida em que seja estabelecido um processo de integração das ações, essas interfaces se tornarão evidentes para a população, evitando, assim, disputas de recursos”, completa o prefeito Valdir Heck, para quem não há possibilidade de estabelecer padrões de eficiência e eficácia na gestão pública sem efetivamente promover uma permanente interlocução entre programas e unidades orçamentárias.

Ainda de acordo com o prefeito, é importante destacar que a estimativa das receitas para o quadriênio do PPA 2018/2021 demandou grande esforço técnico das Secretarias de Planejamento e Regulação Urbana e da Fazenda, por conta do cenário de crise da economia global e seus reflexos na economia brasileira e regional, que foram determinantes na realização das projeções que compõem o PPA.

A administração municipal vivencia uma situação de redução das transferências correntes, principalmente, em relação ao FPM e ao ICMS. Além disso, é preciso considerar também as mudanças constantes nas resoluções da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) que afetam o funcionamento do Demei, dificultando cada vez mais seu gerenciamento como autarquia. Como é do conhecimento da comunidade ijuiense, a produção e distribuição de energia são atividades imprescindíveis para municipalidade. Há que se ter cuidado para não criar impasses orçamentários”, pontua o prefeito.

Fonte: Prefeitura de Ijuí

COMENTÁRIOS DOS LEITORES

termos de uso
LM COPY