IJUI NEWS - Em 2017, oito jovens perderam a vida por causa do tráfico de drogas em Ijuí

Min: 18º
Max: 26º
Pancadas de Chuva a Tarde
logo ijui news
Vip novoVip novo
Havai 1

Em 2017, oito jovens perderam a vida por causa do tráfico de drogas em Ijuí

Na luta contra as drogas, Comuid realizará atividades de conscientização neste ano.

Matéria Publicada em: 31/01/2018
Imagem ilustrativa: Divulgação/Prefeitura de Ijuí.

A violência pode ser vista hoje sem dúvida alguma como um dos grandes males deste século. Ela está presente em toda parte, como consequência dos mais diferentes problemas sociais. Mas um dos que mais tiram o sono dos brasileiros, certamente, são os atos derivados do tráfico de drogas que têm levado muitas pessoas de diversas faixas etárias para a marginalidade e tantas outras vezes à morte.

Só para se ter uma ideia, no ano passado no Brasil, não foram poucos os registros de assassinatos -ou execuções - decorrentes das disputas de pontos de droga e de outros problemas envolvendo traficantes.

Ijuí, fora da curva no item homicídios nos últimos anos, não escapou das estatísticas relacionadas ao tráfico. Com dez assassinatos no total, em 2017, pelo menos oito são atribuídos, até mesmo pelas autoridades da área de segurança, como resultantes de acertos de contas entre usuários e traficantes.

O principal motivo dos homicídios foi o tráfico de drogas, aonde alguns indivíduos vinham da região metropolitana com objetivo de executar os envolvidos”, observa o titular da Delegacia da Polícia Civil – 1ª DP, Maurício Arlei Posselt.

Diante dos fatos, de acordo com o delegado, a Polícia Civil de Ijuí iniciou um trabalho intensivo para combater o tráfico de drogas no município.

De julho para cá, iniciamos uma operação de repreensão, onde localizamos os principais mandantes do crime e os prendemos. Inclusive havia casos de detentos do semiaberto da Modulada de Ijuí, sendo identificados e imediatamente transferidos para a Penitenciária de Charqueadas”, relatou Posselt.

De acordo com o prefeito Valdir Heck, o aumento no número de assassinatos preocupa o Poder Público, mas é preciso fazer uma análise diferenciada, considerando os números dos anos anteriores e as ocorrências registradas em 2017.

Ao longo dos nossos governos, sempre tivemos a preocupação em desenvolver ações capazes de atrair crianças e adolescentes para dentro das escolas no turno inverso ao da aula. Com isso, acreditamos, estar contribuindo para evitar que muitos dos nossos jovens sejam levados para o descaminho”, afirma.

Preocupado com a situação, que se agravou ano passado, o Poder Executivo conta com o Conselho Municipal de Prevenção ao Uso Indevido de Drogas (Comuid), criado no governo do prefeito Valdir Heck, pela Lei Municipal nº 4.149, de 21 de agosto de 2003. Conjuntamente, também foi criado o Fundo de Prevenção ao Uso Indevido de Drogas (Funpruid).

O Comuid tem a finalidade de promover a orientação das entidades que trabalham visando a prevenção ao uso de drogas, bem como a respectiva fiscalização.  Segundo o presidente do Conselho, Marco Antônio Sagave (OAB/Ijuí), o conselho retorna às suas atividades no dia 27 de fevereiro.

Sempre nos reunimos na última terça-feira de cada mês. O ano passado focamos mais na capacitação dos conselheiros e para 2018 queremos planejar algo voltado para a ExpoIjuí e palestras nas escolas, levando alguns relatos sobre o uso de drogas”, destacou.

Fonte: Prefeitura de Ijuí - Publicação original AQUI

COMENTÁRIOS DOS LEITORES

termos de uso
Sul Cores novo