IJUI NEWS - DENÚNCIA: vereadora diz que há orientação da SMS para limitação de exames via SUS em Ijuí
Min: 15º
Max: 26º
Predomínio de Sol
logo ijui news
Rad mais novoRad mais novo
Seiko eee

DENÚNCIA: vereadora diz que há orientação da SMS para limitação de exames via SUS em Ijuí

Bruna Gubiani afirmou na Câmara que poderá levar o caso ao MP. Segundo ela, é muito sério, pois o secretário Strassburger teria orientado médicos a não pedir a quantia pertinentes de exames a cada paciente.

Matéria Publicada em: 12/07/2022
Bruna Gubiani fez a denúncia na Tribuna da Câmara, nesta segunda-feira (11/7). Foto: reprodução/FB

Acesse o site do Palmero Veículos AQUI

______________________________________________________________

A vereadora de Ijuí Bruna Gubiani (do mandato Coletivo Democrático É as Gurias) usou a Tribuna da Câmara Municipal, na sessão plenária desta segunda-feira (11/7), para denunciar suposta limitação de exames via SUS, em tese, orientada pelo secretário municipal de Saúde, Márcio Strassburger.

Em seu pronunciamento, a parlamentar disse que o caso é sério, muito sério: “... os médicos estão sendo orientados a não pedir a quantia necessária de exames no acompanhamento dos pacientes de casos clínicos.... está sendo barrado em até oito exames por paciente, a gente sabe que isso é pouco”.

Segundo Bruna Gubiani, não existe qualquer protocolo via SUS que limite o número de exames. “... isso é um absurdo, inconstitucional, que vai contra toda a saúde pública, toda a existência da fundamentação do SUS”.

A vereadora pediu ao secretário que reveja a orientação, que seja ela, confirmando a sua existência, investigada, esclarecida pelo Conselho Municipal de Saúde. “Se necessário for, levarei essa questão ao Ministério Público”, afirmou.

A orientação

A vereadora leu um print da medida, que segundo ela, foi feito do sistema da SMS.

De acordo com as políticas municipais, a solicitação de exames laboratoriais para cada paciente poderá ter oito exames liberados via SUS, os demais devem ser encaminhados através da rede privada, sendo que nesses casos os custos deverão ser cobertos pelo próprio paciente”.

Fotos/vídeos: Cópias não autorizadas | Lei nº 9.610/98.

 

Seiko DDD